Acerca de mim

A minha foto
"Com pequenas variantes, era um dia como todos os outros, até que bateste levemente na porta e inundaste a minha sala com a água clara dos teus olhos e salvaste a minha vida com um filtro mágico do teu sorriso e acendeste o mundo com o outro da tua trança semidesfeita e disseste, venho saber no que posso ajudá-lo, o meu nome é Inês."

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

embora doa

É a duvida que resta que me leva a pergunta: Qual papel será o meu? O de quem nada faz? Embora doa, nada fiz para mudar. Embora doa, nada vai mudar. E revemos nas imagens que não passa de um esboço… Escolhem os senhores da guerra os motivos a seu gosto. Embora doa, nada fiz para mudar. Embora doa, nada vai mudar. Porque nada surpreende. Já vivemos com o medo. Quem nos chama a razão? Ao som de armas adormeço… Embora doa, não me faz perder o sono. Embora doa… Escorre sangue pelo ombro em directo na tv, explode a carne em mãos de quem nada fez. Embora doa, não me sujo desse sangue. Embora doa, sempre outro canal. Embora doa… É a duvida que resta que me leva a perguntar…
( Embora Doa - Klepth )
A minha dúvida é se tenho um papel, se faço alguma coisa, se algum dia vou fazer alguma coisa para mudar, se vou deixar de fazer parte das pessoas que fazem o esboço, se algum dia vou ser daqueles que escolhe os motivos da guerra, se algum dia algo mais me vai surpreender pela positiva, se algum dia vou deixar de viver com o medo, se vou deixar de adormecer ao som das armas, se no meu ombro não vai escorrer sangue, se não vai explodir carne nas minhas mãos, se nunca me sujarei com esse sangue, se haverá sempre outro canal.

6 comentários:

Nunziuh disse...

Tu sabes o que eu acho...

Maria Miguel disse...

as dúvidas só se conseguem resolver com as nossas próprias atitudes, só desaparecem com o tempo. não penses nisso, pensar faz mal :)

ลndreia disse...

As tuas perguntas... algumas nunca terás resposta! Cabe-te a ti, fazeres uma resposta à tua medida! *

Ivan Mota disse...

Eu acho que tudo se resume ao coração. Sim, segue o teu coração e tenho a certeza que nunca terás problemas. A vida é isto.

Mintolita disse...

Dói ao mundo inteiro, mas ninguém se quer sujar. E tu, pelo simples facto de escreveres sobre isso, encontrarás as respostas às tuas dúvidas. Ninguém nasce em vão.

Excelente blog =)

Tecnenfermaginando disse...

acredite, querida,

vc já é vencedora!

:)